Soft Skills: você sabe quais são as mais valorizadas pelas empresas?

Quer saber mais sobre as soluções da Appus?

Você sabia que é possível melhorar a produtividade de uma empresa em cerca de 12% investindo apenas em soft skills? É o que atestou um estudo feito por algumas universidades americanas, entre elas Harvard. Isso mostra o peso que essas habilidades tem no ambiente corporativo atual. Talvez o nome seja novo para você.

Se for o caso, vamos ajudá-lo! Neste artigo, você saberá de que forma as soft skills auxiliam na melhoria dos resultados de uma empresa. Além disso, listaremos as habilidades que as companhias mais procuram na hora de atrair novos talentos. Pronto para aprender?

Definindo soft skills

As soft skills podem ser definidas como as habilidades que cada pessoa tem intrinsecamente. Não estamos falando de conhecimentos técnicos, mas das capacidades comportamentais de cada um. Isso significa que ter um bom relacionamento interpessoal e saber como gerir o tempo são exemplos de soft skills.

Agora, que você tem uma ideia do que o nome significa, vamos entender por que elas influenciam os resultados das empresas!

Descobrindo a importância das soft skills

Por mais que um colaborador tenha uma função técnica, as habilidades comportamentais farão grande diferença no seu desempenho. Todo trabalhador precisa ter interações com outras pessoas, seja dentro do escritório, seja lidando com clientes e stakeholders externos.

Dessa forma, ter soft skills desenvolvidas permite que as pessoas consigam ter mais controle sobre suas emoções, além de saberem tirar o máximo proveito daquilo que elas dominam. Por exemplo, se um programador tem flexibilidade, ele conseguirá lidar com as diferentes cobranças internas e com seus colegas.


Conhecendo as soft skills mais procuradas pelas empresas

1. Controle das emoções

De nada adianta ser um especialista se a pessoa não conseguir controlar as diferentes emoções que a afetam diariamente. Por isso, as empresas têm buscado profissionais que sejam autocentrados e consigam ter calma e energia quando isso for necessário.

Uma das grandes vantagens de quem sabe controlar as emoções é conseguir usar os momentos de estresse como gatilho para ser mais produtivo. Essa habilidade faz com que a pessoa saiba converter ambientes e situações caóticas em valor agregado, isto é, tirar vantagem daquilo que é aparentemente ruim.

2. Pensamento criativo

Na hora de resolver problemas, é válido ter criatividade para conseguir enxergar diferentes saídas. Quando uma pessoa consegue ter essa visão criativa, é mais fácil desenvolver soluções para qualquer problema que aparecer. Isso garante rapidez nos processos internos.

Para que se tenha essa capacidade criativa, diferentes fontes de conhecimento podem ser usadas. Capacidades técnicas, experiências passadas e capacidade de abstração podem se tornar combustíveis para uma saída inteligente de crises.

3. Colaboração

Assim como saber controlar as emoções, trabalhar bem em equipe se torna uma soft skill importante na hora de extrair bons resultados. A pessoa que se dá bem com seus colegas consegue relevar situações estressantes, ganhando confiança e apoio dos outros.

Como resultado, esse profissional consegue ter mais facilidade na hora de obter informações importantes, conseguir apoio para suas atividades e lidar com as diferentes áreas da empresa.

4. Comunicação eficiente

Saber comunicar faz muita diferença no ambiente corporativo. A cada interação, é necessário saber como colocar suas dúvidas e pensamentos diante do seu interlocutor, de forma que ele entenda o que você quer dizer.

Uma boa comunicação garante que ambas as partes se entendam e que aquilo que é esperado seja realizado da maneira como foi pensado. Por isso, as empresas têm buscado bons comunicadores na hora de atrair e manter novos talentos.

5. Atenção para ouvir

Assim como é importante saber como comunicar, ouvir os outros acaba se tornando uma habilidade procurada por gestores e recrutadores. A pessoa que sabe ouvir acaba funcionando como um aliviador de tensões. Os problemas de comunicação começam, muitas vezes, por não ouvir da maneira correta aquilo que foi explicado.

6. Gerenciamento do tempo

Não só na vida profissional, mas também nos compromissos pessoais, a gestão do tempo se torna uma soft skill procurada por todos. Quando o tempo é bem trabalhado, é possível fazer mais e gerar mais valor com a mesma quantidade de tempo.

Se a pessoa tem um cargo de gerência, é mais fácil definir o tempo em que cada projeto deve ser desenvolvido. Se tem um cargo menor, saberá como gerenciar suas obrigações. Sendo assim, ter essa soft skill auxiliará em todos os níveis de atuação.

7. Positividade

Sabe aquela pessoa que sempre consegue enxergar uma oportunidade? Pois isso é uma soft skill também! Às vezes, é difícil acreditar em um projeto ou meta, mas pessoas positivas tendem a encontrar resoluções de problemas com sua força de vontade.

Isso não significa que as empresas precisam de um empregado que acredita em tudo e que investe mesmo em ideias que não funcionam. Pessoas positivas são aquelas que conseguem inspirar os outros e mantê-los nos trilhos, mesmo que um resultado não possa ser visto no curto prazo.

8. Habilidade para ser multitasking

Sabe o seu smartphone, que consegue rodar vários aplicativos ao mesmo tempo, sem que isso afete a experiência de uso? É assim que o empregado multitasking funciona. Ele consegue se envolver em diferentes projetos e cuidar de todas as suas obrigações sem que isso impacte na qualidade delas.

Pessoas que têm essa soft skill conseguem gerar mais valor porque podem acumular funções e responsabilidades, garantindo que as entregas acontecerão conforme o previsto. O único receio que deve haver com essa habilidade é de que a pessoa não acumule mais obrigações do que pode cumprir.

9. Capacidade de planejamento

Se o profissional consegue ser um bom planejador, isso com certeza trará frutos para ele! Planejar da maneira correta é o que fará com que os prazos sejam respeitados, o retrabalho seja evitado e o tempo seja ganho.

Mesmo que aconteçam imprevistos, o projeto será concluído, já que o planejador coloca isso em conta na hora de pensar em cada prazo.

Como você pôde ver, as soft skills são um meio de otimizar a forma como as pessoas e as empresas atuam e devem ser levadas em conta no momento da gestão!

Se você gostou deste texto, compartilhe nas redes sociais! Pode ser de ajuda para outras pessoas definirem quais soft skills devem ser desenvolvidas.

Meme Appus News

QUE TAL ASSINAR a nossa newsletter?

Não deixe de ler também…

© 2014 – 2018 | Appus HR Analytics – www.appus.com – Todos os direitos reservados.